VARAL

Pendurava suas memórias no varal,
E deixava secar suas lágrimas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sempre por Aqui

Google+ Followers

Números

© 'A Palavra Certa' - Todos os Direitos Reservados