Ainda Bem...

Porque há fogo em mim...
Ainda bem
Tenho você para acendê-lo
De forma terna
nas horas certas
De forma intensa
nas horas incertas.
Porque há fogo em nós
Ainda bem
na estrada, na vida
Seguimos entrelaçando nós.

Um comentário:

  1. Lindo, super intenso, Dani!! Adoro seus poemas!

    Me fez lembrar um livro de Hilda Hilst que eu adoro: "Poemas gozosos e devotos". Ela escreve poemas eróticos para Deus de uma forma muito louca...
    Vale a pena ler!

    Um beijo grande!!

    Joaninha

    ResponderExcluir

Sempre por Aqui

Google+ Followers

Números

© 'A Palavra Certa' - Todos os Direitos Reservados