MIRAGENS - 4 Mãos

Um dia o oxigênio vai invadir seu peito.
Encher sua alma
e vai gritar para o mundo
qual é meu lugar, qual será meu ar?
qual será o meu par ou o que eu vou jantar?
mais do que paladar, preciso estar
Sempre atento para o que acontece.
esperando... Ou dá, ou desce!


Me esgueirando no sub mundo
lamento a saudade, sentimento profundo...
que gera uma força que só tem quem sofreu,
quem viveu, quem espalhou amor
quem viveu a vida... seja como for...
que leve consigo a delicadeza de uma flor
que traga consigo o verdadeiro amor...
que viva sem rancor, sem dor
mesmo que seja impossível
mesmo que seja passível
de um ser humano.

Palavras por Mim e Rodrigo Nogueira

2 comentários:

  1. escrita a quatro mãos.

    que delícia isto!

    parabéns aos dois.

    ficou uma belezura!

    ResponderExcluir
  2. Estava com saudades de vir te ler...
    Lindo poema Daniela! que essas sementes plantadas preencham sua estrada de flores e perfumes... Bjs.

    ResponderExcluir

Sempre por Aqui

Google+ Followers

Números

© 'A Palavra Certa' - Todos os Direitos Reservados